quarta-feira, 18 de março de 2009

Tudo de novo

Na estrada escura sem saber pra onde ir
Mas sabia aonde chegar
Pra te ver, faria tudo de novo.

Chuva fria, à distância e o medo.
Saciava meu desejo saber
Que iria te amar

Teus olhos cor de mel
Tua boca macia eu quero beijar.
Adoçava minha vida, um fel.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Calendário