quarta-feira, 13 de maio de 2009

No caminhar da vida é que percebemos

Que bom será
Quando não sentir frio
Na hora em que for me deitar
Sentir meu corpo aquecido
“Aconchado” ao teu
Como se nada tivesse ocorrido

Ver que o dia foi longo
Que as festas acabaram
E como foram os tombos
Saber que crescemos
Que apesar dos pesares
Acreditamos que podemos

As dificuldades que enfrentamos
As desilusões que tivemos
Por todo esse tempo, sempre lutamos.
É agora no fim que não estou agüentando
Tenho uma vontade tremenda de lhe falar
De como foi lindo a forma que nos amamos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Calendário